Psicoterapia Breve


bannerpsico.jpg

É um tratamento de natureza psicológica, cuja duração é limitada (cerca de 1 ano), que busca obter uma melhora da qualidade de vida da pessoa em curto prazo, escolhendo um determinado problema mais premente e focando os esforços na sua resolução.

O foco da terapia é estabelecido pelos:
- Sintomas visíveis que motivam a consulta
- O conflito interacional / interpessoal que desencadeia a crise.
- Aspectos caracterológicos que pertencem ao perfil do paciente.
- Questões transferenciais

O trabalho com o foco segue uma determinada seqüência:

1) O paciente inicia a sessão oferecendo um material disperso de episódios recentes, recordações, observações sobre outrem e vivências pessoais nesses episódios;
2) Após certo tempo o terapeuta intervém com perguntas orientadas numa direção específica; ou reformula o relato, enfatizando certos aspectos significativos quanto à situação-foco;
3) O paciente começa a trabalhar com essa reformulação: produz associações guiadas pela nova direção, amplia elementos recortados pelo terapeuta;
4) Novas intervenções do terapeuta tomarão quer elementos parciais da situação - para aprofundá-los; quer articulações do conjunto com movimentos regressivos e progressivos da análise da situação.

No percurso do processo terapêutico o foco pode se modificar.
Nas terapias prolongadas pode suceder um desdobramento de focos, cada um caracterizando uma etapa do processo.
Nesse caso, o cliente costuma propor espontaneamente uma continuidade do processo, privilegiando uma situação em cada etapa.

A Psicoterapia Breve tem se mostrado extremamente eficaz em alguns transtornos mentais tais como:

- Transtornos depressivos
- Transtornos ansiosos
- Transtornos de comportamento
- Transtornos alimentares
- Reações de ajustamento
- Transtorno de estresses pós-traumático

Faça contato por telefone ou envie um email para agendar uma entrevista inicial sem compromisso.
DSC04337.jpg